O pólo: segredos de uma lenda

René Lacoste inventou o famoso pólo, ao cortar as mangas de uma camisa. Descubra a perícia que está envolvida em todos os pontos desta peça essencial.

A revolução do pólo

“Acima de tudo, a elegância requer um vestuário que se adeque à situação ou circunstâncias." Passando da palavra à ação, René Lacoste corta as mangas da sua camisa de manga comprida, que considera desapropriada para jogar ténis. Revolução. Ano de 1933. Nasce o pólo; o estilo Lacoste é criado.

Porque L.12.12 ?

L . DE LACOSTE
1 . PELO SEU TECIDO ÚNICO
2 . PELO MODELO DE MANGAS CURTAS
12 . A VERSÃO SELECIONADA POR RENÉ LACOSTE

A arte da confeção

Apesar de se ter adaptado, desde 1933, de acordo com a moda, os seus métodos de confeção não foram alterados. É em Troyes, capital francesa da tecelagem, que nasceu a perícia única de confeção do pólo, que hoje em dia é exportado para todo o mundo. Tecelagem, tingimento, corte, colocação do crocodilo bordado e montagem das peças: estes cinco passos requerem experiência e uma atenção enorme ao detalhe e dão ao pólo o seu estilo inimitável.

A malha

Selecionado pela sua qualidade excecional, o algodão é tecido num tear circular, através de uma técnica única, que confere ao petit piqué as suas durabilidade e flexibilidade singulares.

A assinatura do crocodilo

Cada crocodilo, cosido ou bordado à mão, é composto por 1.200 pontos. Um testemunho de autenticidade em cada pólo.

Montagem

Cada peça é cosida às outras à mão, dando vida ao pólo. O acabamento é feito através de um reforço no colarinho e ombros.

Petit piqué, estilo e performance

Feito de uma malha fina, o petit piqué é o emblemático tecido do pólo Lacoste. Uma malha revolucionária, criada por René Lacoste que confere ao pólo o seu conforto e elegância característicos.

O pólo está na moda

Estação após estação, a lenda mantém-se. E também o estilo. O icónico pólo é revisitado regularmente ao longo das estações…ou recriado por artistas e designers através de colaborações inspiradoras.

O primeiro pólo

Intemporal, em riscas azuis e brancas

Detalhes gráficos: o pólo em vermelho

Linhas arrojadas marcam o terreno

O crocodilo revisitado por Michael Young

Com a Visionaire: arte que se pode vestir

Lacoste x irmãos Campana: inspiração brasileira

O pólo mostra a bandeira

Lacoste x Lesage: um pólo bordado inédito

O crocodilo reinventado por Jean-Paul Goude

O incontornável pólo

O pólo Classic fit, modelo icónico

Graças ao seu estilo único, conforto e elegância, o pólo L.12.12 torna-se rapidamente num ícone, tanto do vestuário clássico, como contemporâneo. Qual é o seu preferido?

Ver os pólos

Descubra mais

René Lacoste

Quem é (realmente) O crocodilo?

Ler mais

Datas-chave

A herança Lacoste, ontem e hoje

Ler mais

El estilo Lacoste

Elegância inspirada no desporto

Ler mais

Desporto e elegância

Dos courts ao green

Ler mais